Dentição Infantil

Os dentes começam a se formar ainda no período intrauterino. Ao nascimento, todos os dentes decíduos têm determinada quantidade de esmalte dentário e, quando entram em erupção, apresentam metade a 2/3 de raiz.

Os primeiros dentes a entrar em erupção são:

  • geralmente, os incisivos inferiores, com cerca de 6 meses de vida;

  • incisivos centrais e laterais superiores (7,5 a 9 meses);

  • primeiros molares inferiores (12 meses);

  • primeiros molares superiores (14 meses);

  • caninos inferiores (16 meses);

  • caninos superiores (18 meses);

  • segundos molares inferiores (20 meses);

  • segundos molares superiores (24 meses).

Geralmente antes de completar 3 anos de idade, a criança já apresenta a dentição decídua completa, com 20 dentes mais ou menos espaçados entre si, dependendo do tipo de arco da criança.

Mais importante que a cronologia de erupção, é a sequência na qual os dentes erupcionam. Outro aspecto ainda relacionado à erupção dos dentes decíduos que causa ansiedade nos pais é o teething ou “erupção difícil” – o fato de a erupção do dente decíduo causar sintomatologia sistêmica: irritação, aumento na temperatura, diarreia e aumento na salivação. Embora o senso comum seja favorável a essas questões, uma revisão sistemática da literatura concluiu que não há evidências que fundamentem a existência de sinais e sintomas associados à erupção de dentes decíduos; assim, quando uma criança apresenta febre e outros sintomas sistêmicos, o pediatra deve examiná­-la em busca de outras enfermidades e o teething passa a ser diagnóstico de exclusão.


A erupção de dentes permanentes geralmente segue a seguinte cronologia:

  • 5 a 6 anos de idade - surgem os primeiros molares permanentes, posteriormente aos segundos molares decíduos;

  • 6 a 8 anos - surgem os incisivos centrais e laterais inferiores;

  • 7 a 9 anos - surgem os incisivos superiores;

  • 9 a 10 anos - surgem os caninos inferiores;

  • 10 a 12 anos - surgem os primeiros e segundos pré­molares;

  • 11 a 12 anos - surgem os caninos superiores;

  • 11 a 13 anos - surgem os segundos molares permanentes. Totalizando 28 dentes

  • Os terceiros molares (“dentes do siso”) são esperados após os 16 anos de idade.


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo